A luz que brilha na escuridão

Aqui está, Pedro Simão, o documento que me pediste. Está feito em forma de luz. É uma lanterna. Assim, será a própria palavra de Jesus a iluminar o que ainda há em ti de escuridão e ao mesmo tempo curar essas feridas para que a tua disponibilidade para a vida seja total.

Boa leitura. Um abraço.

O documento está na ligação a seguir: baixar

Theater of Dreams (For Mariz)


Verse 1:
In the theater of life, you're a master at play,
Bringing your treasures to life every day.
With the stars as your guide, and the night as your friend,
A healer, a dreamer, the journey won't end.

Refrain:
In a world where you can be everything you dream,
Living life in abundance, a vibrant stream.
At full service, your treasures shining bright,
A tapestry of wonders, embracing the light.

Verse 2:
Cutting the ties that have held you in place,
Breaking the chains, you're ready to face.
You spread your wisdom in the languages you know,
In Russian and Spanish, watch your influence grow.

Refrain:
In a world where you can be everything you dream,
Living life in abundance, a vibrant stream.
At full service, your treasures shining bright,
A tapestry of wonders, embracing the light.

Bridge:
Ambassador of dreams, with a bass in your hand,
Playing the cosmos, the universe your band.
Every heartbeat a rhythm, a melody true,
Life's greatest adventure is waiting for you.

Outro:
With each step you take, a new horizon appears,
A symphony of possibilities, banishing fears.
With each step you take, a new path unfolds,
A story of triumph, of courage untold.

At morning's call, your dreams come alive,
In the waking world, your spirit shall thrive.

Criado em colaboração com chatGPT e Udio.

Para a Alice



[Verse 1]
She's read all the Potter books,
Fifty more each year she takes a look,
Pages turn, she dreams away,
In her world, she loves to stay.

[Chorus]
Books and beaches, friends so dear,
Laughter echoes, skies so clear,
Artistic swimming, tales to share,
In her heart, she's always there.

[Verse 2]
By the sea with her best friends,
Talking 'til the daylight ends,
Splashing waves, the summer's glow,
In her mind, the stories flow.

[Chorus]
Books and beaches, friends so dear,
Laughter echoes, skies so clear,
Artistic swimming, tales to share,
In her heart, she's always there.

[Bridge]
In the water, she finds her grace,
A mermaid's world, a peaceful place,
With every stroke, her spirit flies,
In the ocean, under the skies.

[Chorus]
Books and beaches, friends so dear,
Laughter echoes, skies so clear,
Artistic swimming, tales to share,
In her heart, she's always there.

[Outro]
Reading, dreaming, swimming free,
A world of wonder, she can see,
With friends beside her, life's a song,
In her heart, she will belong.

Trabalho feito com o auxílio de ChatGPT para geração de texto com o prompt " Quero uma letra de música em inglês para uma menina que já leu todos os livros do harry potter, que lê 50 livros por ano e que gosta de ir para a praia com as amigas, de conversar e de fazer natação artística" e Udio com o prompt "harry potter, female vocals" ao que a máquina adicionou "Female vocalist, Rock, Dream pop, Ethereal, Alternative rock, Atmospheric, Lush, Ethereal wave, Female vocals"

Para a Regina

Quem vou ser quando for grande
E deixar de ser menina
Gestora ou médica
Ou uma bailarina


Talvez viaje muito
Falar com as pessoas
Olhar para as paisagens
Provar comidas boas

(Refrão)
Quero ser mais que eu
A mim ultrapassar
E viver ao serviço
Até me apagar

Versão Inglesa:



Who will I be when I grow up
And leave my childhood dreams?
A manager or a doctor,
Or maybe a dancer, it seems?

[Chorus]
I want to be more than myself,
To surpass who I am now,
And live a life of service,
Until I take my final bow.

[Verse]
Perhaps I'll travel far and wide,
And talk to people new,
Gaze at stunning landscapes,
And taste delightful food.

[Verse]
Or maybe I'll create art,
In colors bold and bright,
Capture moments in time,
And bring joy to the light.

[Chorus]
I want to be more than myself,
To surpass who I am now,
And live a life of service,
Until I take my final bow.

Trabalho feito com auxílio da inteligência artificial para tradução e adaptação para o Inglês e geração de mais versos, bem como para a produção musical. Chatgpt e Udio, respectivamente.

O infinito do hoje

Estou todo satisfeito
Já fiz a provisão
Música para mil anos
Vídeos para um milhão

Refrão:
Como faço amigo
Agora é que está bonito
Tudo à minha volta
É um grande infinito

E não é que agora
Só me apetece fugir
Por onde é que começo
Me decido a decidir

Quero tudo ao mesmo tempo
Que excitação
Vivo assim animado
Pela confusão


Monstro ferido

Amar-me a mim, é tão difícil (Dó, Ré-)
Amar-me a mim, é impossível (Dó, Mi-)

Pois só eu conheço (Fá, Mi-)
A minha escuridão (Fá)
Pois só eu me lembro (Fá, Mi-)
A quem não dei a mão (Fá)

Eu usei, matei
Depois de tratar mal
E o meu egoísmo
Deixei num pedestal

Eu sou todo um embaraço
Só preciso de um abraço

Que me abrace inteiro
Sem nada excuir
E palavras duras
Me possa repetir

Ver em mim o monstro
Ferido a sangrar
E que assim mesmo
Consiga me amar

Tantas vezes que eu tento
Volto sempre a este lamento

De quem não aceita
Que existe o perdão
De quem não escuta
A alegre canção

Estou assim sozinho
Só eu e a minha dor
Desacreditado
Do poder do amor

Vou fazer-te uma prece
Mesmo de quem não merece

Transforma em príncipe
Este tão feio sapo
Inventa um bordado
Adorna este farrapo

Cuida só de mim
Cura esta ferida
Para que eu possa
Amar-te sem medida

Mesmo sem mundo melhor.

Vou aqui dizer-te
O que parece uma aberração
Criar um mundo melhor
Não é o fito de um cristão

Muitos já sonharam
Com várias humanas vias
Mas viraram pesadelos
Todas essas utopias

Acham que este ser imperfeito
Consegue sozinho a solução
E nada fica direito
Acaba em destruição

Ideias do iluminismo
Vão aumentando de tom
Galopam para o abismo
E pouco têm de bom

Como podemos saber
Que esse futuro construído
Não vai ser para nos perder
Para nos tirar o sentido?

Se nem o amanhã eu sei
Como posso me arrogar
Que para mais depois saberei
O que irá funcionar?

O futuro a Deus pertence
E já nos deu conhecimento
Que tudo o que precisamos
É cumprir seu mandamento

Amá-lo acima de tudo
Ao próximo bem como a mim
E o restante se ordena
Naturalmente, assim

E na consequência disto
Se seguir o meu Senhor
Não é o mundo que conquisto
Mas a entrega ao Amor.

O cristão não persegue um mundo melhor

Por muito estranho que pareça, um cristão não procura criar um mundo melhor. Os seus focos principais são, em primeiro lugar, amar a Deus acima de todas as coisas e, em segundo, amar ao próximo como a si mesmo.

Quando estamos empenhados em criar um mundo melhor, corremos sempre o risco de cair em utopias. Afinal, como é que é mesmo esse mundo melhor? Quem fica responsável por estabelecer os critérios para esse mesmo mundo? Quando temos uma ideia de um mundo melhor, é muito provável que os outros se transformem em obstáculos que é preciso ultrapassar ou anular, porque não estão a colaborar com a visão do mundo que estamos a tentar atingir. Quantas vezes isto já aconteceu na história da humanidade?

Como podemos saber nós o que é um mundo melhor? Em muitas alturas do nosso percurso comum, achamos que um mundo melhor era um em que houvesse mais prosperidade e bens materiais. Isso aconteceu: na Europa nunca foi tão grande a produção de bens materiais. Tão grande que virou, em grande medida, lixo. Lixo e um conjunto de bens que requerem manutenção e que implicam o nosso tempo, que cada vez é menos. Mesmo com esta produtividade toda, o medo de não ter o que comer mantém-se na generalidade das pessoas. Isto dá-se numa sociedade em que um terço da comida produzida vai para o lixo. Absurdo? É mesmo um mundo melhor que precisamos se continuarmos a viver um pesadelo dentro da nossa imaginação doente?

A proposta de Jesus nunca foi a da criação de um mundo melhor mas sim uma proposta de amor. Amar é a ordem que nós queremos cumprir. E o mundo ficará melhor? Pode ser que sim…

Imaginemos uma casa que tem alguém doente. A família dedica-se amorosamente a garantir tudo o que esta ente querido necessita. Pela falta da contribuição doméstica da pessoa e pelos cuidados que necessita, a casa fica um caos. A casa ficou melhor? Será que a prioridade desta família seria “Criar uma casa melhor”? Quais seriam os critérios para saber se o objectivo foi atingido?

Jesus dá-nos um mandamento: o Amor. É só nisso que devemos focar. E assim, o único critério para um mundo melhor é este. O único mundo melhor que podemos desejar é um mundo cheio de Amor.